Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6025
Title: O lugar do intérprete educacional nos processos de escolarização do aluno surdo
metadata.dc.creator: Xavier, Keli Simões
Keywords: Surdos - Educação;Língua Brasileira de Sinais - Traduções;Educação Bilíngue;Deaf - Education;Brazilian Sign Language - Translations;Bilingual Education
Issue Date: 5-Oct-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: XAVIER, Keli Simões. O lugar do intérprete educacional nos processos de escolarização do aluno surdo. 2012. 136 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2012.
Abstract: Este trabalho discute o intérprete de Libras na escola inclusiva apontando os limites e possibilidades desse novo protagonista do sistema educacional. Tem como objetivo entender como se dá a inserção do intérprete no contexto escolar, priorizando os anos finais do ensino fundamental. Apresenta, de forma pontual, o percurso histórico da política educacional inclusiva, traçando paralelos com a história da educação de surdos. Consecutivamente, expõe os dispositivos legais que inserem o intérprete de Libras na educação e situa a problemática que emerge com a entrada desse profissional no contexto escolar. Sem perder de vista a concepção de linguagem defendida por Bakhtin, traz a tona estudos que versam sobre a interpretação e particularmente a interpretação de língua de sinais. Pesquisas de autores como Ronice Muller de Quadros, Regina Maria de Souza, Mauren Elisabeth Medeiros Vieira, Vanessa Martins, Cristina Broglia Feitosa de Lacerda, Patrícia Tuxi, Karla Patrícia Ramos da Costa , entre outros, são apresentados compondo assim a revisão de literatura, sobre o intérprete de Libras na educação. Ao fazer considerações sobre a interpretação nos processos de ensino aprendizagem do aluno surdo, essa dissertação traz alguns autores, entre eles destacamos Lev Semenovich Vigotski, Angel Pino Sirgado, Maria Cecília R. Góes. A opção metodológica adotada é a do Estudo de Caso do tipo etnográfico, que tem como lócus uma escola da rede municipal de ensino de Vitória que, na realidade do estado do Espírito Santo, é pioneira na proposta de se ter intérpretes educacionais atuando com alunos surdos em sala de aula regular. Por meio de observações sistematizadas e entrevistas, são apresentados e analisados dados que explanam sobre a política bilíngue municipal e esclarecem a atuação do intérprete de Libras junto à equipe bilíngue e corpo docente da escola pesquisada. As relações de poder também surgem como dado nessa pesquisa e são analisadas a partir da figuração estabelecidos outsiders de Elias e Scotson. Como resultado desse estudo, chegou-se a algumas assertivas, das quais foram destacadas três para o encerramento desse trabalho. A primeira delas diz respeito à necessidade de se repensar a formação do intérprete que atua no campo educacional; a segunda versa sobre as condições de trabalho, pouco favoráveis, que o intérprete vem encontrando no ambiente escolar; e a terceira refere-se à maneira como a equipe bilíngue é inserida e vista no ambiente escolar, uma vez que tal fato interfere diretamente na maneira como o interprete se relaciona com o ambiente escolar. O estudo indica a necessidade de se ampliar a discussão sobre as especificidades do trabalho de interpretação no espaço educacional
This paper discusses the interpreter of Libras (Brazilian Sign Language) in the inclusive school pointing out the limits and possibilities of this new protagonist of the educational system. This study aims to understand how the interpreter is inserted in the school context focusing on the final years of primary school. It is also presented the historical trajectory of the inclusive educational policy, presenting parallels with the history of the education of deaf people. Consecutively, this paper exposes the legal devices that establish the interpreter of Libras in education and it also places the problem that emerges with the introduction of this professional in the school context. Having in mind the conception of language advocated by Bakhtin it is also considered studies that deal with the rendering, mainly the interpretation of sign language. Studies conducted by authors like Ronice Muller de Quadros, Regina Maria de Souza, Mauren Elisabeth Medeiros Vieira, Vanessa Vanessa Regina de Oliveira Martins, Cristina Broglia Feitosa de Lacerda, Patrícia Tuxi, Karla Patrícia Ramos da Costa, among others, are presented as been part of the literature review about the interpreter of Libras in education. The present study brings some authors, for instance Lev Semenovich Vigotski, Angel Pino Sirgado, Maria Cecília R. Góes, when the rendering in the process of teaching and learning of deaf students is considered. The methodology adopted is the ethnographic case study, which has a public municipal school from Vitória as its locus. In the State of Espírito Santo, this school is considered to be a pioneer in the proposal of having educational interpreters working with deaf students in a regular classroom. Through systematic observations and interviews it is presented the data that not only explain the municipal bilingual policy but also clarify the role of the interpreter of Libras in the bilingual staff as well as part of the teacher s department in the school studied. The relationships of power also emerge in this study as data analyzed from the aspect established-outsiders by Elias and Scotson. As a result of this study, it was to some assertions, of which three were outstanding for the closure of this work. The first, concerns the need to rethink the formation of the interpreter who works in the educational field, the second is about the working conditions, unfavorable, that the interpreter has found in the school environment, and the third refers to the way bilingual staff is inserted and order in the school environment, since this fact directly affects the way we interpret it relates to the school environment. This paper indicates the importance of increasing the discussion on the specificities of the work of the interpreters in the educational environment
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6025
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Keli Simoes Xavier.pdf806.72 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.