Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6027
Title:  Brincar-vem : a criança surda na educação infantil e o despertar das mãos
metadata.dc.creator: Côrtes, Diolira Maria
Keywords: Educação infantil;Libras;Criança surda;Mediação;Child Education;Libras;Deaf Child;Mediation
Issue Date: 21-Sep-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: CÔRTES, Diolira Maria. Brincar-vem : a criança surda na educação infantil e o despertar das mãos. 2012. 543 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2012.
Abstract: This study had the objective of analyzing the conditions which are available for deaf children to learn Libras (Brazilian Sign Language) in a Municipal Center of Child Education, which is a reference for the education of such children, in the city of Vitoria, Espírito Santo. The theory used was historic- cultural. The studies of Vigotski and Bakhtin were used as reference, and emphasis was given to language and to the role the other has in the human constitution. As a methodological option, the qualitative research was chosen, which was developed by means of an ethnic case study. For the collection of empirical material, the study made use of participative observation, daily record, video-recording, interviews with the participants in the research, and analysis of school enrollment registrations. The organization and analysis of data had the support of the micro genetics, a methodological option adopted by some studies that have a historic-cultural perspective as reference, in order to understand the conditions in which three children, who were in the initial stage, learned Libras. The selected analysis elements were the mediation process established by adults and other children in relation to the deaf children, as well as the earning signs shown by them in the classroom and during the specialized educational attention. The analysis indicated that the conditions for learning Libras still constitute a challenge for some children who experience a restrict context for interaction in Libras due to, among other reasons, the lack of knowledge in Libras among adults and children, and to the fact that the bilingual team do not have the necessary number of professional to work with them in different places. The study also indicates the need to find the best way when considering the specificity of deaf children in child education. Keeping in mind that individuals learn language while they are emerged in the flow of verbal communication, the study points out the necessity of having deaf professional working directly with these children, which would contribute to the formation of their identity, to their learning and to their development, as the legislation defines
Este estudo teve como objetivo analisar as condições que são oportunizadas às crianças surdas para a apropriação da Libras, em um Centro Municipal de Educação Infantil referência na educação de crianças surdas, no município de Vitória/ES. Como aporte teórico foi utilizada a abordagem histórico-cultural. Os estudos de Vigotski e de Bakhtin foram tomados como referência, dando ênfase ao papel do outro e à linguagem na constituição humana. Como opção metodológica, utilizou a pesquisa qualitativa, que se desenvolveu por meio de um estudo de caso do tipo etnográfico. Para a coleta do material empírico, foram adotados os seguintes recursos: observação participante, registro em diário de campo, video gravação, entrevistas com os sujeitos envolvidos na pesquisa e análise de fichas de matrículas. A organização e análise de dados se apoiou na abordagem microgenética, opção metodológica utilizada por alguns estudos que se pautam na perspectiva histórico-cultural, na busca de compreender as condições de apropriação da Libras por três crianças surdas que estavam em processo inicial de apropriação da Libras. Foram selecionados como elementos para a análise o processo de mediação estabelecido por adultos e outras crianças na relação com essas crianças surdas bem como os indícios de apropriação da Libras por elas na sala de atividades e no atendimento educacional especializado. As análises indicam que as condições para a apropriação da Libras ainda se constituem um desafio para algumas crianças que vivenciam um contexto restrito de interação em Libras, devido, entre outros elementos, à falta de conhecimento de Libras por adultos e crianças e ao fato de a equipe bilíngue não apresentar a quantidade de profissionais necessária para atendê-las em diferentes espaços. O estudo indica também a necessidade de se pensar qual a forma de atendimento que melhor considera as especificidades da criança surda na educação infantil. Tendo em vista que os indivíduos se apropriam da língua quando são imersos na corrente da comunicação verbal, para se avançar em direção a uma educação bilíngue, como define a legislação, o estudo aponta a necessidade de profissionais surdos para atuar de forma direta com essas crianças na educação infantil, o que contribui na constituição de sua identidade, de seu aprendizado e desenvolvimento
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6027
Appears in Collections:PPGE - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diolira Maria Cortes.pdf4.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.