Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6146
Title: Caracterização do uso da água e da energia associada à água em uma edificação residencial convencional e uma dotada de um sistema de reúso de águas cinza
metadata.dc.creator: Pertel, Mônica
Keywords: Conservação de água;Indicadores de consumo;Água cinza;Perdas;Water conservation;Usage indicators;Gray water;losses
Issue Date: 9-Jul-2009
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: PERTEL, Mônica. Caracterização do uso da água e da energia associada à água em uma edificação residencial convencional e uma dotada de um sistema de reúso de águas cinza. 2009. 104 f. Dissertação (Mestrado em Poluição do Ar, Recursos Hídricos, Saneamento Ambiental) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2009.
Abstract: A busca pela sustentabilidade no meio urbano compreende o uso das mais variadas práticas possíveis de conservação dos recursos como água e energia. Nesse sentido, a parcela referente ao consumo de água e energia nas residências é estratégica para a concepção de programas de conservação desses recursos em áreas urbanas, visto que o consumo residencial é responsável por uma grande parcela do consumo urbano, chegando a cerca de 80% em Minas Gerais. Visando avaliar um método de conservação de água, esse trabalho avaliou quantitativamente a economia gerada em uma edificação dotada de um sistema de reúso de águas cinza quando comparada a uma edificação com sistema hidrossanitário convencional. O monitoramento foi realizado de fevereiro a setembro de 2007 no edifício convencional e de fevereiro a setembro de 2008 naquele com sistema reúso de águas cinza, por meio de leituras diárias, sempre às 8h, de todos os hidrômetros e medidores de energia, além do levantamento de perfis de consumo de 24h. O consumo energético das bombas de recalque foi medido por meio eletrônico com a instalação de um analisador de energia. O consumo de água, avaliado através de perfis horários e dos indicadores per capita, por área e por dormitório, foi consistentemente mais elevado no edifício convencional, havendo um maior consumo nos meses de inverno nas duas edificações. Cerca de 32% da água cinza produzida são aproveitados como água de reúso na edificação, sendo que o volume de água de reúso utilizado é cerca de 22% do consumo total na edificação. Em termos energéticos, no edifício convencional o consumo das bombas de recalque foi de cerca de 8% do total de energia consumida. No dotado de reúso o consumo foi de 7% do total de energia consumida, sendo que 3% das bombas de água potável e 4% das bombas de reúso. Os valores altos de consumo energético das bombas sugerem uma maior atenção aos projetos de bombeamento. Foi observado um indicador de 1,40kWh/m³ para o edifício convencional e de 0,88kWh/m³ para o dotado de reúso. A avaliação de perdas realizada por meio da setorização permitiu inferir que há, possivelmente um vazamento de cerca de 1,88m³/dia invisível na edificação dotada de reúso antes do reservatório superior. Foi observado erros de medição nos hidrômetros das colunas de abastecimento para pequenas vazões. Não foram observados vazamentos nos apartamentos. Os resultados demonstram a importância do reúso como forma de conservação de água potável e de redução do esgoto sanitário.
The pursuit of urban sustainability entails the most diverse water and energy conservation praxes. In this context, the rational use of water and energy by residential buildings plays a strategic role in the conception of natural resources conservation programs in urban areas, since the residential usage is responsible for as much as 80% in Minas Gerais, Brazil. Seeking the evaluation of a water conservation method, the present work examined quantitatively the economic gain generated in a residential building outfitted with a gray water reuse system opposed to a building with conventional hydro-sanitary system. Data was collected from February to September of 2007 in the conventional building and from February to September of 2008 in the one equipped with the gray water reuse system. Data collection comprises daily readings, at 8:00 a.m., of the water and electricity consumption, as well as the 24h usage profile. The water pump electrical consumption was measured by an electronic gauge, installed on each pump. Based on the hourly usage profiles, per capita, per area and per bedroom, the water usage was consistently higher in the conventional building and more intense over the winter in both buildings. Approximately 32% of the produced gray water was diverted and reused, representing 22% of the total water consumption in the building. In terms of the electrical usage, the water pumps installed in the conventional residential building represented 8% of the total spent energy, while in the building outfitted with the gray water reuse system, it accounted for 7% of the total, from which 3% were used on the drinking water pumping system and 4% in the gray water system. The high electrical usage by the pumps suggests that the water systems should be more carefully designed. Energy consumption per cubic meter of conveyed water of 1,40kWh/m3 was observed in the conventional building, while in the one equipped with gray water reuse systems, a lower value of 0.88kWh/m3 was observed. The evaluation of water losses carried out by building sections, allowed the identification of a leakage of 1,88m3/day, in the building equipped with the gray water reuse system invisible by other means. Errors in the water flow meter were observed at low flow conditions. No evident leakages were observed inside the residences. The results show the potential of gray water reuse as water conservation and waste water reduction praxes.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6146
Appears in Collections:PPGEA - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
monica pertel.pdf1.24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.