Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6280
Title: Walter Benjamin : a arte de pensar na cabeça dos outros
metadata.dc.creator: Machado, Leonardo Thadeu Azeredo
Keywords: Walter Benjamin;Politização da arte;História;Marxismo;Filosofia da arte;Filosofia contemporânea;Walter Benjamin;Politicizing of art;History;Marxism;Philosophy of art;Contemporary Philosophy;Comunismo;Filosofia - História
Issue Date: 30-May-2011
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MACHADO, Leonardo Thadeu Azeredo. Walter Benjamin : a arte de pensar na cabeça dos outros. 2011. 107 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2011.
Abstract: This work tries to grasp on what foundations Walter Benjamin s proposal of a need of a politicizing of art lies upon. To do so, we ve focused, mainly but not only, on his 1930 s writings, because his production is explicitly engaged in a political perspective during this period. The fragmentary fashion of his work has forced us to build a constellation of elements to sustain our own interpretation, being: a) his very particular conception of History and the influence of this conception in the forms mankind has been producing, perceiving and comprehending itself throughout the years as well; b) the relationship between progress and changes within the production s conditions, both material and spiritual (or intellectual); mainly the deep transformations which have happened because of the overwhelming material development caused by Industrial Revolution; and c) the specifically political element which shows itself because of the previous ones: as soon as one can understand in what way the capitalism s progress has changed deeply the structure of human s experience in the world, as well as their way of comprehending this same world (within arts, philosophy, religion, etc.), one can, so, comprehend this Benjamin s demanding that not only the art , but the whole critical and intellectual production should drive itself into a politicized perspective
Este trabalho busca investigar em que bases se assenta a proposta de Walter Benjamin sobre a necessidade de uma politização da arte . Para tal buscamos nos focar, principal, mas não exclusivamente, nos textos produzidos na década de 1930, período em que a produção dos ensaios de Benjamin aconteceu de uma forma mais explicitamente engajada do ponto de vista político. O caráter fragmentário da produção deste pensador obrigou-nos a construir uma constelação de elementos que pudessem sustentar nossa interpretação, a saber: a) a concepção benjaminiana de história, bem como a influência desta concepção nas próprias formas de perceber, compreender e produzir das coletividades humanas; b) a relação entre os avanços e transformações das condições de produção material e intelectual, sobretudo as profundas modificações ocorridas graças ao vertiginoso desenvolvimento material ocasionado pela Revolução Industrial; e c) o elemento propriamente político que se mostra a partir dos anteriores: na medida em que se compreende de que forma o progresso do capitalismo alterou fundamentalmente a experiência dos homens no mundo, assim como sua forma de compreender esse mesmo mundo, (nas artes, na filosofia, na religião, etc.), torna-se, então, possível de se compreender a exigência de Benjamin de que, não apenas a arte , mas que a produção crítica se oriente para uma perspectiva politizada
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6280
Appears in Collections:PPGFIL - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao Leonardo Machado.pdf967.12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.