Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6344
Title: Identidade e alteridade no Reino Suevo da Galícia à partir das obras de Martinho de Braga (c.550-579)
metadata.dc.creator: Meggiolaro, Rafael Higino
Keywords: BRAGA, Martinho de;Idade Média;Cristianismo;Catolicismo;Reino Suevo(Espanha);Galiza (Espanha: Região)
Issue Date: 14-May-2012
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MEGGIOLARO, Rafael Higino. Identidade e alteridade no Reino Suevo da Galícia à partir das obras de Martinho de Braga (c.550-579). 2012. 141 f. Dissertação (Mestrado em História Social das Relações Políticas) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2012.
Abstract: Essa dissertação versa acerca da conversão do Reino Suevo da Galícia no século VI e das alteridades que transparecem nos documentos produzidos na época. A conversão é atribuída à atuação de um bispo e abade chamado Martinho de Braga que escreveu cartas, poemas, traduções e as Atas dos dois Concílios de Braga. Ele dedicou sua vida à consolidação da ortodoxia católica na Galícia. A posição social a partir da qual Martinho divulga seus escritos era privilegiada, principalmente pelo grande número de fiéis que lhe conferiam autoridade e representatividade. Dessa maneira o alcance de seus escritos atingiu a aristocracia germânica que constituía o poder civil laico na região há mais de cem anos. Com a conversão do Rei, o catolicismo passou por um processo de fortalecimento, registrado na mudança do aparato urbanístico com o surgimento de basílicas e mosteiros. A partir disso, a tarefa de combater as alteridades religiosas revelou que o cristianismo ainda encontrava obstáculos à unidade aspirada. Desse modo o que se nota é a defesa da identidade cristã e a tentativa de anulação das alteridades consideradas inimigas da fé
This is a dissertation on the conversion about the Suevic kingdom of Galicia in the sixth century and the alterities that are apparent in the documents produced at the time. The conversion is attributed to the action of a bishop and abbot named Martin of Braga who wrote letters, poems, translations, and the minutes of the two Councils of Braga. He devoted his life to the consolidation of Catholic orthodoxy in Galicia. The social position from which Martin discloses his writings was privileged, especially the large number of worshippers who gave it authority and representativeness. Thus, the scope of his writings reached the German aristocracy which constituted the civil power lay in the region for more than one hundred years. With the conversion of the King, Catholicism has experienced a strengthening process, recorded in changing the apparatus with the emergence of urban basilicas and monasteries. From this, the task of fighting religious otherness revealed that Christianity still found obstacles to the unit aspirated. So what you notice is the defense of Christian identity and the attempt to annul the alterities considered enemies of the faith
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6344
Appears in Collections:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao - Primeiras Paginas.pdf285.95 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.