Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7252
Title: ORIENTAÇÕES CURRICULARES NACIONAIS: UMA LEITURA SOBRE A MATERIALIZAÇÃO NOS CURRÍCULOS DE FORMAÇÃO DOCENTE EM EDUCAÇÃO FÍSICA
metadata.dc.creator: SOUZA, F. B. M.
Keywords: Educação Física;Formação Docente;Orientações Curriculares
Issue Date: 27-Dec-2013
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: SOUZA, F. B. M., ORIENTAÇÕES CURRICULARES NACIONAIS: UMA LEITURA SOBRE A MATERIALIZAÇÃO NOS CURRÍCULOS DE FORMAÇÃO DOCENTE EM EDUCAÇÃO FÍSICA
Abstract: Esta pesquisa busca investigar de quais modos o currículo prescrito de formação de professores de Educação Física, para atuar na Educação Básica, tem interpretado e materializado os pressupostos das Diretrizes Curriculares Nacionais para a formação de professores. Problematiza a formação docente em Educação Física, a partir da legislação brasileira que regulamenta os cursos de licenciatura para a Educação Básica, bem como as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica em Nível Superior: Parecer CNE/CP 009/2001, Resolução CNE/CP 01/2002, Resolução CNE/CP 02/2002 e Resolução CNE/CES 07/2004. No que se refere à abordagem metodológica, pauta pelos pressupostos de uma pesquisa qualitativa de caráter documental, com análise e interpretação dos currículos prescritos dos cursos de Educação Física para formação de professores. A abrangência do campo da pesquisa foi delimitada, metodologicamente, pelo próprio campo, possibilitado ser realizada com três Instituições de Ensino Superior (IES) no Estado do Espírito Santo. Identifica três formas diferentes de materializar a formação de licenciatura em Educação Física na região. A IES A materializa a licenciatura em Educação Física para atender a Educação Básica em quatro anos. A IES B materializa o Bacharelado e a Licenciatura, em um curso com o formato concomitantemente, em quatro anos. A IES C materializa a licenciatura e bacharelado, sendo que o bacharelado é ofertado com o formato de complementação de curso, em quatro anos e seis meses no turno noturno, ou em quatro anos, no turno vespertino. Conclui que as significações e materializações nos currículos estudados são muito diferentes e, em alguns momentos, ambíguas, pois as leituras e maneiras de interpretar as Orientações Curriculares Nacionais estão em acordo com a intenção do tipo de formação docente em Educação Física que cada IES busca consolidar socialmente.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7252
Appears in Collections:PPGEF - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_7358_Dissertação - Fabíola Borel Marques.20160817-93319.pdf1.55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.