Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7586
Title: Mapeamento do estado nutricional do mamoeiro.
metadata.dc.creator: JESUS, M. L.
Keywords: DRIS;Lógica fuzzy;Carica papaya;Geoestatística
Issue Date: 12-Jul-2016
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: JESUS, M. L., Mapeamento do estado nutricional do mamoeiro.
Abstract: A geoestatística é utilizada no estudo da variabilidade espacial com base na estimativa e identificação das inter-relações dos atributos estudados, no espaço e no tempo, permitindo a otimização das malhas de amostragem, considerando a dependência espacial entre as observações. A classificação fuzzy possibilita gerar agrupamentos considerando a pertinência de cada valor amostrado de determinado atributo associado a cada classe pré-definida. À vista disso, objetivou-se com este trabalho mapear a variabilidade espacial do estado nutricional do mamoeiro, grupo Solo, Golden THB, com base no Sistema Integrado de Diagnose e Recomendação (DRIS) e na classificação fuzzy dos teores foliares do pecíolo. O estudo foi realizado com dados de produtividade e de teores foliares do pecíolo do mamoeiro (2010/2011) de 129 pontos georeferenciados, de uma lavoura comercial de mamão, cultivada no Norte do Estado do Espírito Santo. Na fase de sexagem, contou-se o número de botões florais e coletaram-se folhas recém-maduras, caracterizadas por apresentar uma flor recém-aberta em sua axila. O material, após colhido, foi acondicionado em envelope de papel e seco em estufa a 70ºC até massa constante, moídas e enviadas para análise foliar, onde se obteve as concentrações dos macronutrientes: N, P, K, Ca, Mg, S; e dos micronutrientes: Zn e Mn. A colheita dos frutos, para determinação da produção, foi realizada no nono mês de idade, no estádio 2 de maturação, com a massa dos frutos obtida em balança digital. A partir dos teores foliares foram calculados os índices DRIS e, com os valores, determinaram-se os índices de balanço nutricional (IBN) para cada ponto amostral. Os valores dos teores foliares, IBN, número de botões florais (NBF), massa de fruto (MF) e de produtividade (PRD) foram submetidos à análise exploratória e descritiva. Fez-se análise de correlação de Pearson (p<0,05) entre IBN, índice DRIS de cada nutriente, NBF, MF e PRD. Ajustou-se os semivariogramas para verificar e quantificar a dependência espacial das variáveis avaliadas, seguido da elaboração dos mapas da variabilidade espacial por meio da interpolação por krigagem ordinária. Para a confecção do mapa do estado nutricional por meio do sistema de lógica fuzzy, classificaram-se os mapas de cada nutriente utilizando a função de pertinência trapezoidal. O efeito combinado dos teores foliares foi medido empregando o operador fuzzy soma convexa. A lavoura apresenta desequilíbrio nutricional, indicado pelos dois métodos de avaliação utilizados. O IBN não apresentou correlação linear com a produtividade. A identificação do k k nutriente mais limitantes por falta, Mn, possibilita auxiliar no manejo de adubação nas áreas em que o IBN apresenta maiores valores. A utilização do método fuzzy permitiu visualizar as mudanças de classe dos teores foliares de cada nutriente e facilitou a interpretação do estado nutricional considerando os nutrientes em estudo.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7586
Appears in Collections:PPGPV - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_9001_Mariana Lima de Jesus.pdf5.17 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.