Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7694
Title: QUALIDADE DA MADEIRA DE ÁRVORES DE EUCALIPTO ATACADAS POR Leptocybe invasa, Gonipterus platensis E Thyrinteina arnobia
metadata.dc.creator: BOBADILHA, G. S.
Keywords: 1;Eucalipto;2;Pragas;3;Estresse biótico em plantas;4;
Issue Date: 26-Feb-2016
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: BOBADILHA, G. S., QUALIDADE DA MADEIRA DE ÁRVORES DE EUCALIPTO ATACADAS POR Leptocybe invasa, Gonipterus platensis E Thyrinteina arnobia
Abstract: BOBADILHA, G. S. QUALIDADE DA MADEIRA DE ÁRVORES DE EUCALIPTO ATACADAS POR Leptocybe invasa, Gonipterus platensis E Thyrinteina arnobia. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Florestais) Universidade Federal do Espírito Santo, Jerônimo Monteiro ES. Orientadora: Prof.ª Dra. Graziela Baptista Vidaurre. Coorientadores: Prof. Dr. José Tarcísio da Silva Oliveira, Prof. Dr. Humberto Fantuzzi Neto. Este estudo teve por objetivo avaliar o efeito do ataque de pragas nas variáveis dendrométricas e qualidade da madeira de eucalipto. Foram coletadas árvores de eucalipto jovens atacadas por Leptocybe invasa em Tocantins e Maranhão e pelos insetos desfolhadores Gonipterus platensis e Thyrinteina arnobia em São Paulo. As árvores atacadas por L. invasa apresentavam formação de galha por toda a copa, em tamanho grande e com orifício de emergência. As árvores hospedeiras G. platensis e T. arnobia possuíam histórico de desfolha completa, porém com perda de dominância apical somente para G. platensis. Para todas as árvores atacadas foram avaliadas as variáveis dendrométricas, densidade básica, dimensões de vasos e fibras, composição química das madeiras e parâmetros de polpação kraft somente para árvores atacadas por L. invasa. O ataque das pragas resultou em alterações no crescimento e nas propriedades da madeira. Nas árvores atacadas por L. invasa, os locais de ataque influenciaram nas variáveis dendrométricas, frequência de vasos, comprimento de fibras, perfil radial de densidade e teor de cinzas da madeira. Não houve alteração na densidade básica, vasos e fibras das árvores atacadas por L. invasa e G. platensis, apenas a madeira de T. arnobia apresentou decréscimo na espessura da parede das fibras. Entre os constituintes químicos da madeira, somente os teores de pentosanas e cinzas foram alterados em função do ataque de pragas. O ataque de L. invasa acarretou em alteração de todos os parâmetros de polpação Kraft.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7694
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_9521_Gabrielly dos Santos Bobadilha 2016.pdf1.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.