Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7700
Title: DESEMPENHO DA MADEIRA LAMINADA COLADA DE EUCALIPTO
metadata.dc.creator: OLIVEIRA, R. G. E.
Keywords: Madeiras-estruturas;Adesivos;Lâminas de madeira;Florestas
Issue Date: 27-Feb-2018
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: OLIVEIRA, R. G. E., DESEMPENHO DA MADEIRA LAMINADA COLADA DE EUCALIPTO
Abstract: Os objetivos deste trabalho foram produzir elementos de madeira laminada colada (MLC) a partir da madeira de clones de Eucalyptus grandis x E. urophylla e avaliar seu comportamento quando submetida ao esforço de compressão normal às fibras. Para a produção dos elementos de madeira laminada colada (MLC), a madeira foi classificada com base na densidade aparente das tábuas, em dois grupos (1: < 0,587 g/cm3; 2: &#8805; 0,587 g/cm3). Os elementos de MLC foram colados com dois adesivos, resorcinol-formaldeído, Cascophen, e outro, um adesivo poliuretano bi componente, à base de mamona. Foram determinados o teor de umidade das tábuas, a densidade aparente e a retratibilidade, e realizados ensaios mecânicos de compressão normal às fibras, cisalhamento paralelo às fibras, cisalhamento na linha de cola e delaminação. Para caracterização anatômica e avaliação da qualidade da colagem, foram preparadas lâminas histológicas para visualização dos elementos anatômicos da espécie e para mensuração da linha de cola. Observou-se que a madeira avaliada apresentou resultados satisfatórios para ser utilizada na fabricação de MLC, sobretudo naquelas tábuas de maior densidade aparente e colados com o adesivo resorcinol-formaldeído, com maiores valores para as solicitações mecânicas avaliadas. As tábuas de maior densidade apresentaram vasos de maiores diâmetros, raios altos e largos tornando a sua estrutura propícia para mobilidade e penetração do adesivo. A densidade apresentou correlação com as propriedades mecânicas, a espessura de linha de cola principal apresentou correlação com o adesivo e com o percentual de falha na madeira, o adesivo também apresentou correlação com o percentual de falha na madeira. A compressão normal às fibras apresentou correlação com os cisalhamentos paralelo às fibras e na linha de cola, este último apresentou correlação com a densidade aparente, adesivo, linha de cola secundária e diâmetro dos vasos. O cisalhamento paralelo às fibras apresentou correlação com o cisalhamento na linha de cola e com os diâmetros dos vasos. A altura e largura dos raios apresentaram correlação com o número de células. Palavras-chave: caracterização tecnológica, adesivos, elemento estrutural, compressão normal às fibras.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7700
Appears in Collections:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_11771_Dissertação RAFAEL GONÇALVES 2018-Final.pdf1.9 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.