Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7720
Title: Desempenho e Histomorfometria Intestinal de Frangos de Corte Alimentados Com Dietas Contendo Extrato Pirolenhoso.
metadata.dc.creator: MENEZES, T. Q.
Keywords: aditivo alternativo;antibiótico;promotor de crescimento;
Issue Date: 28-Jul-2017
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: MENEZES, T. Q., Desempenho e Histomorfometria Intestinal de Frangos de Corte Alimentados Com Dietas Contendo Extrato Pirolenhoso.
Abstract: Desempenho e histomorfometria intestinal de frangos de corte alimentados com dietas contendo extrato pirolenhoso. 2017. 63p. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) Centro de Ciências Agrárias e Engenharias, Universidade Federal do Espírito Santo, Alegre, ES, 2017. Nesse estudo se investigou o efeito do extrato pirolenhoso (EPL) sobre o desempenho e histomorfometria intestinal de frangos de corte. Para isso, 1120 frangos de corte machos, da linhagem Cobb 500, de 8 dias de idade, foram distribuídos ao acaso em 8 tratamentos com 7 repetições de 20 aves cada. As rações experimentais formaram os tratamentos, sendo: T1 ração basal (RB); T2 RB contendo 0,4% de EPL; T3 RB contendo 0,8% de EPL; T4 RB contendo 1,2% de EPL; T5 RB contendo 1,6% de EPL; T6 RB contendo enramicina e halquinol; T7 RB contendo enrofloxacina; e T8 RB contendo ácido acético. Foram avaliadas variáveis de desempenho e histomorfometria intestinal nas fases de 08 a 21 e 08 a 35 dias de idade. Não se verificou diferença entre as médias de consumo de ração, ganho de peso e conversão alimentar dos tratamentos contendo EPL (P>0,05). Na fase de 08 a 21 dias de idade, as aves do tratamento contendo 1,2% de EPL apresentaram médias de consumo de ração (P<0,05) e ganho de peso (P<0,05) superiores às médias observadas nas aves dos tratamentos contendo ácido acético. A média de ganho de peso das aves do tratamento contendo 1,2% de EPL ainda foi superior à média de ganho de peso das aves do tratamento contendo enrofloxacina (P<0,05). Na fase de 08 a 35 dias de idade, verificou-se que o ganho de peso das aves do tratamento contendo 1,2% de EPL foi superior (P<0,05) ao ganho de peso apresentado pelas aves dos tratamentos contendo enrofloxacina e ácido acético. Não houve influência dos tratamentos contendo EPL sobre altura de epitélio, altura de vilosidade, largura de vilosidade e profundidade de cripta intestinal das aves (P>0,05). A suplementação com EPL influenciou negativamente a relação altura de vilosidade/profundidade de cripta duodenal (P>0,05). A suplementação com 1,2% de EPL foi capaz de melhorar o desempenho de frangos de corte.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7720
Appears in Collections:PPGCV - Dissertações de Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_11216_Thiago Queiroz de Menezes20171116-154231.pdf563.52 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.