Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9238
Title: O EPIDÍTICO COMO RECURSO PARA A REPRESENTAÇÃO DOS CONTEMPORÂNEOS NA EPISTOLOGRAFIA DE PLÍNIO, O JOVEM
metadata.dc.creator: GIESEN, K. R.
Keywords: epistolografia greco-romana;Plínio;o Jovem;Discurso epidí
Issue Date: 22-Mar-2016
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: GIESEN, K. R., O EPIDÍTICO COMO RECURSO PARA A REPRESENTAÇÃO DOS CONTEMPORÂNEOS NA EPISTOLOGRAFIA DE PLÍNIO, O JOVEM
Abstract: Gênero de caráter originalmente comunicacional, cotidiano e privado, as cartas foram utilizadas por Plínio, o Jovem, que organizou textos enviados por ele a amigos e os publicou em formato de coleção, como objeto de apreciação literária ao mesmo tempo em que instrumento para a formulação de imagens de si e da vida pública e privada durante o final do século I e início do II d.C.. Entre as mais de duzentas epístolas que compõem os livros I a IX da correspondência desse autor, há um grande número de textos cujo objetivo principal é retratar, elogiosamente, homens e mulheres de sua época. Nesses casos, o autor emprega recursos próprios do epidítico oratório para formular as imagens desses contemporâneos. Destacam-se, nesse contexto, as missivas em que o louvor é destinado a coetâneos de Plínio ainda vivos, uma vez que esse tipo de atitude não era, de acordo com Cícero (De or. II, 341342), apreciada em contexto romano. Analisando o gênero epistolar a partir de uma perspectiva literária, procuramos demonstrar como e com quais funções Plínio utiliza o discurso de tipo epidítico no texto de treze cartas em que há louvores a homens vivos e ainda atuantes na sociedade da época. Para tal investigação, nos apropriamos de referenciais da Análise do Discurso apresentados por Maingueneau; do conceito de representação definido por Roger Chartier; além das próprias concepções antigas sobre epistolografia e gênero epidítico. Com isso, verificamos que os louvores efetuados nas cartas laudatórias de Plínio apresentam imagens de indivíduos exemplares tanto em razão de suas virtudes morais quanto pelo envolvimento com a cultura letrada de sua época, seja pela atuação na prática filosófica, oratória ou poética. Essas imagens textuais são marcadas especialmente pelo otimismo de Plínio em relação à contemporaneidade, que leva a considerar seu papel como apoiador do governo de Trajano.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9238
Appears in Collections:PPGL - Teses de doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_9720_GIESEN, Kátia Regina. Dissertação de mestrado - Versão Final.pdf1.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.