Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9307
Title: Religião e História: Em nome do Pai: Gilberto Freyre e Casa-Grande & Senzala, um projeto político salvífico para o Brasil (1906-1933)?
metadata.dc.creator: COELHO, C. M.
Keywords: Gilberto Freyre;Catolicismo Político;Religião e História;;
Issue Date: 19-Oct-2016
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: COELHO, C. M., Religião e História: Em nome do Pai: Gilberto Freyre e Casa-Grande & Senzala, um projeto político salvífico para o Brasil (1906-1933)?
Abstract: A presente tese doutoral justifica-se pela importância de estudos sobre religião e história política; pela relevância de novas pesquisas sobre o pensamento e a obra do escritor, historiador e sociólogo pernambucano Gilberto Freyre; assim como, pela ausência de estudos acadêmicos acerca da repercussão de sua experiência religiosa na produção intelectual e na publicação de obra fundadora do Brasil: o livro Casa-Grande & Senzala, de 1933. O tema da cultura religiosa sentida, pensada e vivenciada por nosso autor está inebriado e subsumido na historiografia brasileira. Seus principais intérpretes preferem discutir a religião na obra de Gilberto Freyre, mas nosso intento é outro, pois o que nos interessa é o sentimento religioso subjetivo do próprio autor e como o mesmo se espraia, transborda e retorna insistentemente (como um sintoma) em sua produção intelectual. Logo, o problema que enfrentamos nesta tese consiste nas seguintes indagações: Como a experiência religiosa de Gilberto Freyre incidiu na tradução do passado brasileiro? Quais os efeitos políticos do sentimento religioso do autor em sua escrita da história do Brasil? Ademais, as hipóteses que formulamos são: a trajetória intelectual do jovem e do homem Gilberto Freyre esteve marcada por um pujante sentimento missionário; este sentimento repercutiu decisivamente, orientando e estruturando seus interesses, escolhas intelectuais e políticas; na fantasia gilbertiana, Casa-Grande & Senzala seria um projeto político salvífico para o Brasil; o sentimento religioso de Gilberto Freyre incidiu na escrita da história, provocando efeitos políticos autoritários em sua tradução do passado brasileiro. A conjuntura e o período histórico que pesquisamos perfazem sua infância, em 1906, até a publicação de Casa-Grande & Senzala, em 1933. Este trabalho doutoral situa-se no campo da História das Ideias Políticas e está orientado pela perspectiva da história subjetivada, perseguindo a confluência entre o subjetivo, o histórico e o político. Nosso referencial teórico-metodológico está fundamentado: na pesquisa da cultura religiosa católica em Portugal e no Brasil; na racionalidade estético-expressiva, para pensar o subjetivo e a conjuntura a partir dos indícios; no estudo dos afetos e emoções inconscientes presentes nas relações sociais pelo método clínico (psicanálise em extensão); no diálogo entre história e psicanálise, para interpretar os sintomas sociais; e na teoria política, para identificar e interpretar afetos de acento e caráter autoritário, que incidiram na tradução do passado e na escrita da história do Brasil de Gilberto Freyre.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9307
Appears in Collections:PPGHIS - Teses de doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_8064_TESE PPGHIS-UFES 2016 - CLAUDIO MARCIO COELHO.pdf6.73 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.