Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10590
Título: Avaliação da acurácia da tomografia computadorizada de feixe cônico no diagnóstico de desadaptação de próteses sobre implante confeccionadas em diferentes materiais
Autor(es): Siqueira, Caíque Araujo
Orientador: Vaz, Sérgio Lins de Azevedo
Coorientador: Azeredo, Rogério Albuquerque
Data do documento: 25-Set-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SIQUEIRA, Caíque Araujo. Avaliação da acurácia da tomografia computadorizada de feixe cônico no diagnóstico de desadaptação de próteses sobre implante confeccionadas em diferentes materiais. 2018. 73 f. Dissertação (Mestrado em Clínica Odontológica) - Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Ciências da Saúde.
Resumo: Introdução: Os implantes dentários são muito utilizados após a perda dos dentes para reabilitar função e estética. Sobre o implante é instalada uma prótese que pode ser confeccionada em diversos materiais. A prótese deve estar bem adaptada ao implante, pois desajustes podem causar aumento nos valores de tensão da prótese. Para avaliar a desadaptação, podem ser utilizados exames radiográficos e táteis, porém ambos são susceptíveis ao operador e à técnica empregada, além de o exame radiográfico fornecer uma imagem bidimensional, que resulta em sobreposição de imagem. A tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) registra imagens tridimensionais das estruturas bucomaxilofaciais, porém faltam estudos para avaliar o seu desempenho no acompanhamento de implantes. Objetivo: Avaliar a acurácia da TCFC na detecção da desadaptação entre implante e próteses confeccionadas com diferentes materiais. Material e Métodos: Foram instalados 32 implantes hexágono externo em mandíbulas humanas maceradas. Sobre esses implantes foram instaladas próteses de diferentes materiais, constituindo três grupos experimentais: metalocerâmica, titânio recoberto por resina, e zircônia recoberta por cerâmica. Simularam-se desadaptações interpondo-se tiras de poliéster entre implante e próteses. Imagens tomográficas foram adquiridas utilizando-se o tomógrafo Picasso Trio (85 kVp, 10 mA, FOV 8x5 cm e Voxel 0.2 mm) com a prótese adaptada e desadaptada ao implante. Cinco cirurgiões-dentistas avaliaram as imagens para verificar a presença ou não de desadaptação. As reprodutibilidades intra e interexaminadores foram analisadas utilizando-se o teste Kappa. Realizaram-se análises descritivas para determinação de valores de diagnóstico. Os valores de Az foram submetidos ao teste de comparação de curvas ROC com nível de significância de 5%. Resultados: As reprodutibilidades intra e interexaminadores variaram entre justa a quase perfeita. Os maiores valores de sensibilidade, acurácia, valor preditivo positivo e valor preditivo negativo encontrados foram atribuídos ao grupo Titânio. Os maiores valores de Az foram encontrados para os grupos Titânio (Az = 0.95) e Metalocerâmica (Az = 0.90), em relação ao grupo Zircônia (Az = 0.77), sendo essa diferença estatisticamente significante (p < 0.05). Conclusão: A avaliação da desadaptação entre implante e prótese através da TCFC tem maior acurácia para as próteses de titânio recoberto de resina e metalocerâmica.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/10590
Aparece nas coleções:PPGCO - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12589_Dissertação Caíque Concluída.pdf
  Restricted Access
8.37 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.