Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/641
Título: Pais adolescentes : vivência e significação
Título(s) alternativo(s): Teenage fathers : life experience and signification
Autor(es): Trindade, Zeidi Araújo
Menandro, Maria Cristina Smith
Palavras-chave: Paternidade
Adolescentes
Práticas parentais
Paternity
Parental practices
Teenagers
Data do documento: Jan-2002
Citação: TRINDADE, Zeidi Araujo; MENANDRO, Maria Cristina Smith. Pais adolescentes: vivência e significação. Estud. psicol. (Natal), Natal, v. 7, n. 1, p. 15-23, jan. 2002. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/epsic/v7n1/10950.pdf>. Acesso em: 25 mar. 2011.
Resumo: Foram investigadas mudanças ocorridas na vida de pais adolescentes e identificados os significados da paternidade e da maternidade para esses jovens. Oito participantes com idades de 16 a 21 anos foram entrevistados com base em roteiro focalizando: mudanças decorrentes da paternidade; significados da paternidade e da maternidade; práticas parentais. Entre as mudanças referidas destacaram-se a perda de liberdade e a inserção no mercado de trabalho. Para eles ser pai significa, principalmente, trabalhar para prover as necessidades da criança e também educar, dar carinho e atenção. A mãe é aquela que cuida e dá carinho, sacrifica-se e é a figura mais importante na vida da criança. As práticas parentais mais mencionadas estavam relacionadas com lazer e brincadeiras. Os dados indicaram a permanência de forte vínculo com os modelos tradicionais de parentalidade, embora tenham mostrado também a emergência de relações afetivas significativas entre pais e filhos.
ABSTRACT Changes occurred in the life of teenage fathers and the meaning of fatherhood and motherhood for these adolescents were investigated. Eight participants sixteen to twenty-one years old were interviewed with directions focusing: changes arising of paternity; meanings of fatherhood and motherhood; parental practices. Among the changes referred figured the loss of freedom and the insertion in the job market. For them, to be a father means, mainly, to work to provide the needs of the child and also to educate, give comfort and attention. The mother is the one who cares and caresses, makes sacrifices and is the most important figure in the child's life. The most mentioned parental practices were related with leisure and play. The data indicate the permanence of a strong link with the traditional parenting models, although an emergence of significant affective relations between parents and children was also detected.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/641
ISSN: 1413-294X
Aparece nas coleções:DPSO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
10950.pdf135.89 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons