Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6587
Title: Zoneamento agroclimático para a cultura do pinus no Estado do Espírito Santo
metadata.dc.creator: Castro, Fábio da Silveira
Keywords: Pinus;balanço hídrico;sistema de informação geográfica;geoestatística;zoneamento agroclimático;Pinus;water balance;geographical information system;geoestatistic;zoning agroclimatic
Issue Date: 4-Apr-2008
Publisher: Universidade Federal do Espírito Santo
Citation: CASTRO, Fábio da Silveira. Zoneamento agroclimático para a cultura do pinus no Estado do Espírito Santo. 2008. 123 f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnica; Recursos Florestais) - Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2008.
Abstract: O objetivo deste trabalho é realizar um zoneamento agroclimático para as espécies Pinus elliottii var. elliottii, Pinus caribaea var. hondurensis, Pinus taeda e Pinus oocarpa para o estado do Espírito Santo, identificando áreas com aptidão climática para implantação de povoamento de produção. Utilizaram-se dados meteorológicos, do período de 1977-2006, provenientes de oitenta postos pluviométricos da Agência Nacional de Águas (ANA), localizados dentro do estado e dezesseis postos de estados circunvizinhos, os quais forneceram somente dados de pluviometria; onze estações meteorológicas pertencentes ao INCAPER (Instituto Capixaba de Pesquisa e Extensão Rural); e três do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), que forneceram dados de precipitação e temperatura do ar. Foram desenvolvidas equações de regressão múltipla usando um modelo estatístico linear, baseado em latitude, longitude e altitude, para a estimativa das temperaturas do ar mínimas, médias e máximas, mensais e anual para o Espírito Santo. A espacialização da temperatura foi feita utilizando-se um modelo digital de elevação (MDE), obtido através de dados de radar SRTM (Shuttle Radar Topography Mission), e equações de regressão ajustadas. Usando dados de temperatura do ar e precipitação procedeu-se o cálculo do balanço hídrico climatológico conforme método proposto por Thornthwaite & Mather (1955), adotando uma capacidade de armazenamento de 300 mm. No presente trabalho foram espacializados por diferentes técnicas de interpolação os seguintes parâmetros climáticos: precipitação, deficiência hídrica, excedente hídrico, evapotranspiração potencial, evapotranspiração real e disponibilidade hídrica. Baseado nos mapas temáticos de temperatura média anual do ar e deficiência hídrica foi feito uma reclassificação de acordo com as exigências climáticas de cada espécie e em seguida a sobreposição dessas informações, obtendo assim mapas temáticos de zoneamento agroclimático das espécies estudadas. Os resultados mostram que as equações de regressão múltipla com ajuste linear, considerando-se altitude, latitude e longitude, permitem estimar satisfatoriamente as normais das temperaturas médias, máximas e mínimas mensais e anual. O método da krigagem é o mais eficiente para a espacialização dos parâmetros climáticos, baseado no menor valor da raiz do erro médio quadrático 4(REMQ) e outros parâmetros calculados que auxiliaram na escolha do melhor modelo. De acordo com as bases estabelecidas para este trabalho, o estado do Espírito Santo apresenta áreas com aptidão climática para todas as espécies de Pinus, sendo que a espécie Pinus caribaea var. hondurensis apresenta a maior área de aptidão quando comparada com as espécies Pinus elliottii var. elliottii, Pinus oocarpa e Pinus taeda, que devido às suas exigências climáticas, como temperatura mais amena e menor deficiência hídrica serem mais restritas, apresentam menor área de aptidão climática.
The objective of this work is to make an agroclimatic zoning for the species Pinus elliottii var. Elliottii, Pinus caribaea var. hondurensis, Pinus taeda and Pinus oocarpa for the State of Espírito Santo, identifying areas with climatic aptitude for implantation of stand of production. It was used eteorological data of the period of 1977 to 2006, from eighty rainfall posts of the Water National Agency (ANA) located within the state and sixteen posts surrounding states, which provided only data of rainfall, eleven meteorological stations belonging to the Rural Extension and Research of Capixaba Institute (INCAPER) and three stations National Institute of Meteorology (INMET), which provided precipitation and air temperature data. Multiple regression equations have been developed using a statistical linear models based on latitude, longitude and altitude, for estimation of air temperatures (minimum, medium and maximum), monthly and annual to state of Espírito Santo. The spatialization of temperature was made using a digital elevation model (MDE), obtained through radar data from SRTM (Shuttle Radar Topography Mission), and regression equations adjusted. Using data of air temperature and precipitation made the calculation of the water balance climatologic as Thornthwaite & Mather (1955), adopting a storage capacity of 300 mm. In the present work were specialized by different techniques of interpolation weather the following parameters: precipitation, water deficit, water surplus, potential evapotranspiration, actual evapotranspiration and water availability were specialized by different techniques of interpolation. Based on the thematic maps of average air annual temperature and water deficit, a reclassification was done according to the climatic requirements of each species and then overlay this information, thereby thematic maps of agro climatic zoning of the species studied. The results showed that the multiple regression equations with linear adjustment, considering altitude, latitude and longitude, were satisfactorily estimated of the normal average temperatures, maximum and minimum monthly and annual. The method of kriging was the most efficient for the spatialization of climatic parameters, based on the lower value of the root of the average error quadratic (REMQ) and other parameters calculated that helped in choosing the best model. According to the fundations laid down for this work, the state of the Espírito Santo showed areas with climatic aptitude for all species, Pinus, and the species Pinus caribaea var. hondurensis showed the largest area of aptitude compared with the species Pinus elliottii var. elliottii, Pinus oocarpa, Pinus taeda and, which due to its climatic requirements, as more amena temperature and lower water deficit are more restricted, showed lower area of climate aptitude.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/6587
Appears in Collections:PPGPV - Dissertações de mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabio Castro.pdf7.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.