Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7698
Título: Regeneração natural e ciclagem de nutrientes em fragmento de Floresta Estacional dominado por Fabaceae em Alegre, ES
Autor(es): Neves, Naiara Machado
Orientador: Kunz, Sustanis Horn
Coorientador: Paula, Ranieri Ribeiro
Palavras-chave: Floresta Atlântica
Burlap
Atlantic Forest
Data do documento: 28-Fev-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Após séculos de devastação, a Floresta Atlântica foi limitada a fragmentos que variam em tamanho, forma e históricos de uso dentro de uma matriz dominada pelas atividades antrópicas. A família Fabaceae destaca-se nas formações tropicais pela sua riqueza e por funcionar como fonte primária de nitrogênio devido a fixação biológica por meio da associação com bactérias. O presente estudo teve os seguintes objetivos: 1) caracterizar a estrutura (riqueza e diversidade) da regeneração natural e indicar as mudanças que ocorrem nas espécies leguminosas em fragmento de Floresta Tropical Sazonalmente Seca (FTSS), bem como a influência do histórico de uso do solo (corte seletivo da madeira, cultivo de café e pastagem) sobre as espécies regenerantes; 2) estimar a produção de serapilheira foliar e os aportes sazonais de carbono (C), nitrogênio (N) e fósforo (P), bem como a contribuição relativa de Fabaceae arbóreas sobre esses processos. O estudo foi realizado em um fragmento de 70 hectares que compõe a Reserva Legal do Polo de Educação Ambiental do Instituto Federal do Espírito Santo, Ifes Campus de Alegre (PEAMA), Alegre ES. Na década de 70 tal fragmento foi perturbado por atividades tradicionais, como o corte seletivo de madeira, e continha trechos regenerado após cultivo de café e pastagem. No ano de 2013 foram instaladas 19 parcelas de 400 m2 de área (20 x 20 m) distribuídas a cada 200 m por toda área do fragmento a fim de estudar o porte arbóreo. Para o estudo da regeneração natural foram instaladas 21 parcelas (5 x 10 m). A serapilheira foi quantificada em 11 parcelas usadas no estudo do porte arbóreo, cuja abundância e dominância de Fabaceae foram representativas da área do fragmento. Com este estudo observou-se que a família Fabaceae foi representativa no extrato da regeneração do fragmento, porém em relação ao porte arbóreo houve a redução da abundância dessa família, indicando que o fragmento está em processo de mudança. Não houve influência dos históricos de uso na distribuição das espécies. Em relação a contribuição da Fabaceae no aporte dos nutrientes, observou-se que ela contribuiu de forma significativa no aporte de nitrogênio no período seco (inverno) via serapilheira. No entanto, os teores destenutriente foram baixos na camada de 0-20 cm do solo do fragmento PEAMA. Assim, conclui-se que a Fabaceae tem maior representatividade (abundância e dominância) em florestas com estágio sucessional inicial, uma vez que favorece o desenvolvimento e a permanência de espécies por meio da fixação biológica de nitrogênio e auxilia no avanço da sucessão do fragmento, sendo de grande relevância no aporte de nitrogênio via serapilheira em FTSS.
After centuries of devastation, the Atlantic Forest was limited to fragments that vary in size, shape and use history within a matrix dominated by anthropic activities. The Fabaceae family stands out in the tropical formations for their great wealth and to function as a primary source of nitrogen due to biological fixation through association with bacteria. The present study had the following objectives: 1) to characterize the structure (richness and diversity) of the natural regeneration and to indicate the changes that occur in legume species in a fragment of the Seasonally Dry Tropical Forest (FTSS), as well as the influence of the historical use of the soil (selective cutting of wood, coffee crop and pasture) on regenerating species; 2) to estimate the leaf litter production and the seasonal contributions of carbon (C), nitrogen (N) and phosphorus (P), as well as the relative contribution of Fabaceae arboreal to these processes. The study was carried out in a fragment of 70 hectares that compose the Legal Reserve of the Environmental Education Pole of the Federal Institute of. (PEAMA), Alegre - ES. In the 1970s such a fragment was disturbed by traditional activities, such as the selective cutting of wood, and contained stretches regenerated after coffee cultivation and pasture. In the year 2013, 19 plots of 400 m2 of area (20 x 20 m) were distributed every 200 m throughout the area of the fragment in order to study the tree size. For the study of natural regeneration, 21 plots (5 x 10 m) were installed. The litter was quantified in 11 plots used in the study of tree size, whose abundance and dominance of Fabaceae were representative of the area of the fragment. With this study it was observed that the family Fabaceae was representative in the extract of the regeneration of the fragment, but in relation to the arboreal size there was a reduction in the abundance of this family, indicating that the fragment is in the process of change. There was no influence of usage histories on species distribution. In relation to the contribution of Fabaceae to the nutrient intake, it was observed that it contributed significantly to the nitrogen input in the dry season (winter) via litter. However, the deuterutrient contents were low in the 0-20 cm layer of the soil of the PEAMA fragment. Thus, it is concluded that the Fabaceae has greater representativity (abundance and dominance) in forests with initial successional stage, since it favors the development and the permanence of species through the biological fixation of nitrogen and assists in the advance of the succession of the fragment, being of great relevance in the contribution of nitrogen through litter in FTSS
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7698
Aparece nas coleções:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11769_Dissertação NAIARA NEVES 2018-Final.pdf1.77 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.