Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11033
Título: Envolvimento do receptor ERa e da peroxidação lipídica nos prejuízos de memória de reconhecimento causados pelo poluente ambiental tributilestanho (TBT) em camundongos fêmeas
Autor(es): Silva, Igor Ferraz da
Orientador: Rodrigues, Lívia Carla de Melo
Coorientador: Graceli, Jones Bernardes
Data do documento: 10-Abr-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O tributilestanho (TBT) é um composto organoestânico utilizado em diversas áreas da agricultura e da indústria. Estudos recentes vêm demonstrando que o TBT possui efeitos sobre diversos órgãos e tecidos em roedores e outros animais, impactando principalmente o sistema endócrino ao agir como um inibidor da enzima aromatase, e diminuindo os níveis sistêmicos de estradiol. Para os experimentos, camundongos fêmeas receberam TBT em doses diárias de 250 ng/ kg, 500 ng/kg e 750 ng/kg, ou sua solução veículo. Os animais foram submetidos ao teste de reconhecimento de objetos para uma avaliação da memória de reconhecimento, tiveram seus ciclos reprodutivos analisados e foram avaliados quanto à peroxidação lipídica e expressão de ERα no córtex pré-frontal e no hipocampo. Foi observado que o TBT, nas doses de 500 ng/kg e 750 ng/kg, altera a expressão do receptor ERα, com uma expressão reduzida no hipocampo dos animais que receberam a dose de 750 ng/kg, e no córtex pré-frontal dos animais que receberam a dose de 500 ng/kg, quando comparada ao controle. O TBT foi capaz de induzir peroxidação lipídica em todas as doses no córtex pré-frontal, quando comparado ao controle. A memória de reconhecimento de curto e longo prazo foi afetada negativamente nos animais que receberam as doses de 250ng/kg, 500 ng/kg e 750 ng/kg, quando comparada ao controle. Os ciclos reprodutivos sofreram alterações nos grupos expostos ao TBT, em relação ao controle. Nossos dados sugerem que o TBT apresenta a capacidade de afetar a cognição de camundongos fêmea, além de alterar a expressão do receptor de estrogênio ERα em diferentes áreas cerebrais e promover estresse oxidativo no córtex pré-frontal.
Tributyltin (TBT) is a synthetic organotin compound used in several areas of agriculture and industry. Recent studies have demonstrated that TBT has effects on several organs and tissues in rodents and other animais, impacting their endocrine system due to its endocrine disrupting effects, causing abnormal estrogen levels. In this study, female mice were exposure to TBT in daily doses of 250ng/kg, 500 ng/kg and 750 ng/kg, and their recognition memory performance was tested using the novel object recognition test. We further assessed the estrous cyclicity, prefrontal cortex (PFC) and hippocampus estrogen receptor α (ERα) protein expression and oxidative stress. TBT impaired recognition memory in short and long term, in all doses. We found ERα receptor expression reduced in the hippocampus of the subjects that received the dose of 750 ng/kg, and decreased in the PFC of the subjects that received the dose of 500 ng/kg, when compared to Control group. TBT induced lipid peroxidation in the PFC in all doses, when compared to Control. It was also possible to observe alterations in the reproductive cycle of the animals, in which the groups treated with TBT had longer cycles. Our data suggest that TBT has the capacity of affecting the cognition of female mice. TBT can also modify the expression profile of ERα in different cerebral areas and promotes oxidative damage in PFC.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11033
Aparece nas coleções:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_13185_Texto Dissertação Igor Ferraz da Silva Final (Versão Aprovada).pdf786.75 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.