Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11039
Título: Efeito preventivo da yacon (Smallanthus sonchifolius) nas alterações inflamatórias, oxidativas e da integridade intestinal em modelo animal de carcinogênese colorretal
Título(s) alternativo(s): Preventive effect of yacon (Smallanthus Sonchifolius) on inflammatory, oxidative and intestinal integrity alterations in animal model of colorectal carcinogenesis
Autor(es): Verediano, Thaísa Agrizzi
Orientador: Costa, Neuza Maria Brunoro
Coorientador: Viana, Mirelle Lomar
Tostes, Maria das Graças Vaz
Data do documento: 26-Fev-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Fatores dietéticos estão relacionados à carcinogênese colorretal. Yacon (Smallanthus sonchifolius) é um alimento funcional com atividade prebiótica, por ser fonte abundante de frutooligossacarídeos (FOS), que são fermentados pelas bactérias benéficas com efeitos positivos à saúde intestinal. O objetivo deste estudo foi investigar o efeito prebiótico da farinha de yacon (FY), como fonte de FOS, na integridade da barreira intestinal, na resposta inflamatória e no estresse oxidativo em modelo animal de câncer de cólon induzido (CRC). Ratos Wistar adultos foram divididos em 4 grupos: S (sem CRC e sem FY, n=10); C (com CRC e sem FY, n=12); Y (sem CRC e com FY, n=10); CY (com CRC e com FY, n=12). Animais dos grupos S e C receberam a dieta AIN-93 M e os animais do grupo Y e CY receberam a mesma dieta acrescida de FY em quantidades suficientes para fornecer 5% FOS, durante as 16 semanas do experimento. Entre as semanas 4 8, os animais do grupo C e CY receberam, por via subcutânea, 25 mg/ kg peso corporal de 1,2-dimetilhidrazina (DMH) uma vez por semana. Na última semana, foi realizada a coleta da urina de 24 h para análise da permeabilidade intestinal utilizando lactulose e manitol. Amostra sanguínea foi coletada para análise das interleucinas (IL) -10 e IL-12, fator de necrose tumoral alfa (TNF-α) e capacidade antioxidante total (CAT). O intestino grosso foi coletado para análise do pH intraluminal, ácidos graxos de cadeia curta (AGCC) e imunoglobulina A secretória (sIgA). Os resultados foram analisados utilizando-se Two-way ANOVA (análise de variância), seguida pelo teste Newman-Keuls (p<0,05), com auxílio do GraphPad Prism®, versão 7. Os animais induzidos ao câncer apresentaram aumento de TNF-α, AGCC (acetato, propionato e butirato) e redução da CAT. A farinha de yacon exerceu efeito significativo na redução do pH intraluminal e a relação lactulose/manitol, mas não apresentou efeito no nível de IL-10, IL-12 e TNF-α. Ainda, sIgA aumentou no grupo que recebeu a FY sem a indução do CC (Grupo Y). Observou-se aumento de manitol e CAT no grupo CY, evidenciando interação significativa entre FY x CRC. Assim, o consumo da farinha de yacon promoveu efeitos benéficos na saúde intestinal de animais induzidos ao câncer de cólon e também foi benéfica em parâmetros intestinais dos animais saudáveis.
Colorectal cancer (CRC) presents dietary factors related to its carcinogenic process. Yacon (Smallanthus sonchifolius) is a functional food with prebiotic activity as source of fructooligosaccharides (FOS), which are fermented by bifidobacteria with positive effects to the intestinal health. The present study investigated the prebiotic effect of yacon flour (YF), source of FOS, on intestinal barrier integrity, inflammatory response and oxidative stress in animal model of induced colorectal cancer. Wistar rats were distributed in 4 groups: S (without CRC and YF, n=10), C (with CRC and without YF, n=12), Y (without CRC and with YF, n=10), CY (with CRC and YF, n=12). Animals of groups S and C received AIN-93 M diet and animals of groups Y and CY received the same diet but added with YF in amounts to provide 5 % FOS, during the 16 weeks of experiment. From week 4 to 8, the animals of C and CY groups received, by subcutaneous via, 25 mg/ kg body weight of 1.2-dimethilydrazine (DMH) once a week. In the last week, 24 h-urine collection was performed for intestinal permeability analysis using lactulose and mannitol. Blood sample was collected to the analysis of interleukin (IL)-10 and IL-12, tumor necrosis factor- alpha (TNF-α) and total antioxidant capacity (TAC). Large intestine was collected for intraluminal pH, short chain fatty acids (SCFA) and secretory immunoglobulin A (sIgA) analysis. Normal distributed data were analyzed by Two-way ANOVA (analysis of variance) followed by Newmans-Keuls test (p<0.05), using GraphPad Prism®, version 7. The animals induced to cancer had higher TNF- α, SCFA (acetate, propionate and butyrate), and lower TAC. The yacon flour reduced the intraluminal pH and lactulose/mannitol ratio, but had no effect on IL-10, IL-12 and TNF- α levels. Also, the levels of sIgA were increased only in the group fed YF without CRC (group Y). It was observed an increase of mannitol and CAT in group CY, showing a significant interaction of YF x CRC. Therefore, yacon flour consumption promoted beneficial effects on the intestinal health of colorectal cancer animals. As a source of FOS, yacon showed to improve the intestinal barrier and mucosal immunity particularly in healthy animals.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11039
Aparece nas coleções:PPGCTA - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_12195_Dissertação Final de Mestrado - Thaisa Agrizzi Verediano Pdf.pdf1.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.