Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/2273
Título: O IDEB no município de Vitória-ES : um estudo sobre variações e variáveis no sistema e nas escolas (2005-2007)
Autor(es): Fernandes, Caroline Falco Reis
Orientador: Araújo, Gilda Cardoso de
Data do documento: 1-Jul-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: FERNANDES, Caroline Falco Reis. O IDEB no município de Vitória-ES: um estudo sobre variações e variáveis no sistema e nas escolas (2005-2007). 2010. 189 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Educação
Resumo: Um dos assuntos em pauta na educação brasileira é a questão da qualidade educacional e suas diversas formas de aferição, devido à criação, em 2007, do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Esse índice se propõe a medir a qualidade da educação, considerando fluxo escolar e desempenho acadêmico, atribuindo uma nota que vai de 0 a 10 às escolas, municípios e estados. Notas referentes aos anos de 2005 e 2007 foram divulgadas e, depois de realizada a análise da situação das escolas do município de Vitória (ES), foi identificada que há variações entre as notas das escolas. Tal constatação gerou a necessidade de compreender a que se deve tal variação, já que as escolas fazem parte de um mesmo sistema e possuem, à primeira vista, condições de ensino semelhantes. Desse modo, a presente pesquisa analisou os fatores institucionais e intra-institucionais que tiveram interferência na variação das notas do Ideb (2005/2007) nas escolas integrantes do sistema municipal de educação de Vitória-ES. Das cinqüenta e uma escolas de Ensino Fundamental da rede municipal, onze foram selecionadas por se localizarem no Desvio Padrão Superior, Inferior e ainda por terem apresentado mudança na escala de proficiência na Prova Brasil (SAEB). A metodologia utilizada foi quanti-qualitativa, tendo em vista que foram abordados tanto os dados estatísticos quanto as concepções dos sujeitos gestores do sistema de ensino e das escolas. A base teórica da pesquisa recaiu sobre os estudos das avaliações em larga escala e, principalmente, estudos sobre “Escolas Eficazes”, cujo pressuposto é o de que existem variáveis que fazem com que algumas escolas apresentem melhor desempenho que as outras em testes padronizados
Aparece nas coleções:PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_4928_CAROLINE FALCO REIS FERNANDES.pdf1.16 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.