Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/4921
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorCosta, André Gustavo Vasconcelos-
dc.date.accessioned2016-08-29T15:36:45Z-
dc.date.available2016-07-11-
dc.date.available2016-08-29T15:36:45Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/4921-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.rightsembargoed access 1 yearen
dc.subjectJambolãopor
dc.subjectInflammationeng
dc.subjectAntioxidantseng
dc.titleAvaliação do potencial anti-inflamatório e antioxidante da casca da jabuticaba (Myrciaria cauliflora), do açaí jussara (Euterpe edulis Martius) e do jambolão (Syzygium cumini) em camundongos submetidos à dieta de cafeteriapor
dc.typemasterThesisen
dc.subject.udc664-
dc.subject.br-rjbnInflamaçãopor
dc.subject.br-rjbnAntioxidantespor
dc.subject.br-rjbnJabuticabapor
dc.subject.br-rjbnAçaípor
dcterms.abstractO aumento da gordura corporal está associado ao aumento da inflamação e do estresse oxidativo, o que pode comprometer a saúde do indivíduo. Uma alternativa para tentar reestabelecer o equilíbrio oxidativo e inflamatório do organismo seria a ingestão de compostos antioxidantes, como os polifenóis presentes em frutos como a jabuticaba (Myrciaria cauliflora), o jambolão (Syzygium cumini) e o açaí jussara (Euterpe edulis Martius), frutos poucos consumidos, mas produzido em grandes quantidades no Sudeste brasileiro. Assim, o objetivo deste trabalho foi verificar o efeito da suplementação desses frutos sobre o estresse oxidativo e o processo inflamatório em animais alimentados com uma dieta hipercalórica e hiperlipídica. Os frutos foram liofilizados e posteriormente foram avaliadas sua composição centesimal e sua concentração de compostos fenólicos totais, de antocianina e atividade antioxidante. Para o ensaio biológico, foram utilizados 30 camundongos machos adultos da raça Swiss distribuídos em 5 grupos (n=6/grupo), a saber: grupo tratado com dieta comercial padrão (controle negativo), grupo tratado com dieta de cafeteria (controle positivo) e grupos teste que receberam a dieta de cafeteria acrescida de 2% de casca de jabuticaba, ou jambolão ou açaí jussara liofilizados durante 14 semanas. Após o período experimental foi avaliada a capacidade antioxidante sérica e a peroxidação lipídica, assim como os níveis de citocinas pró-inflamatórias (TNF-α e IL-6) e anti-inflamatórias (IL-10). Foi aplicado o teste t para comparação dos resultados dos grupos controle e ANOVA, complementada com teste de Tukey (α=5%), para comparação dos grupos testes com o controle positivo. O liofilizado do açaí jussara foi o fruto com maiores concentrações de antocianinas, enquanto a casca da jabuticaba foi o que apresentou maiores concentrações de compostos fenólicos totais e atividade antioxidante in vitro. A suplementação com os frutos liofilizados foi eficaz em aumentar a atividade antioxidante sérica dos animais experimentais, porém não foi observada redução da peroxidação lipídica sérica. Quanto ao perfil inflamatório, não foi observada diferença entre os animais suplementados com os frutos liofilizados e os que receberam apenas a dieta de cafeteria. Pode-se concluir que os frutos testados foram eficazes em aumentar a atividade antioxidante sérica dos animais suplementados, mas não apresentaram efeito anti-inflamatório nesses animais.por
dcterms.abstractIncreased body fat is associated with increased inflammation and oxidative stress, which may compromise the health of the individual. An alternative to try to restore the oxidative and inflammatory balance of the body would be the intake of antioxidant compounds such as polyphenols present in fruits such as jaboticaba (Myrciaria cauliflora), the jambolan (Syzygium cumini) and jussara açai (Euterpe edulis Martius), fruit with low consumption, but with a large production in southeastern Brazil. The objective of this study was to investigate the effect of supplementation of these fruits on oxidative stress and inflammation in animals fed a high calorie and high fat diet. The fruits were lyophilized and subsequently evaluated its chemical composition and concentration of total phenolics, anthocyanin and antioxidant activity. For the biological assay, 30 adult male mice of the Swiss race divided into 5 groups (n = 6/group) were used, namely: group treated with standard commercial diet (negative control), group treated with cafeteria diet (positive control) and test groups that received the cafeteria diet plus 2% freeze-dried jaboticaba peel powder or jambolan or acai jussara for 14 weeks. After the experimental period was evaluated serum antioxidant capacity and lipid peroxidation as well as the levels of the anti-inflammatory (IL-10) and proinflammatory cytokines (TNF-α and IL-6). It was applied t test to compare the results of the control groups and ANOVA, complemented with Tukey test (α = 5%), to compare the results between the tests groups and the positive control. The freeze-dried acai jussara powder was the fruit with higher concentrations of anthocyanins, while the jaboticaba peel showed the highest concentrations of phenolic compounds and antioxidant activity in vitro. Supplementing with freeze-dried fruits was effective in increasing serum antioxidant activity in experimental animals, but no reduction of serum lipid peroxidation was observed. Regarding the inflammatory profile, no difference between the animals supplemented with freeze-dried fruits and receiving only cafeteria diet was observed. It can be concluded that the fruits tested were effective in increasing serum antioxidant activity of the supplemented animals, but showed no anti-inflammatory effect in these animals.eng
dcterms.alternativeAnti-inflammatory and antioxidant effects of jaboticaba peel (Myrciaria cauliflora), jussara açaí (Euterpe edulis Martius) and jambolan (Syzygium cumini) in mice submitted to the cafeteria dieteng
dcterms.creatorSant'Ana, Marcella Ramos-
dcterms.formatTextpor
dcterms.issued2014-07-25-
dcterms.languagePorpor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia de Alimentospor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqCiência e Tecnologia de Alimentospor
dc.publisher.courseMestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentospor
dc.contributor.refereeCintra, Dennys Esper Correa-
dc.contributor.advisor-coSilva, Pollyanna Ibrahim-
dc.contributor.advisor-coCosta, Neuza Maria Brunoro-
Aparece nas coleções:PPGCTA - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_6898_Dissertação Final - Marcella Ramos Sant'Ana.pdf804.19 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.