Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5378
Título: Fatores de risco para transmissão da hanseníase : um estudo caso controle em um município endêmico no interior do Estado do Espírito Santo
Autor(es): Santos, Andréia Soprani dos
Orientador: Falqueto, Aloísio
Palavras-chave: Leprosy
Epidemiology
Doença endêmica
Data do documento: 14-Set-2007
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: A hanseníase no Brasil constitui um problema de saúde pública, a considerar pelo alto grau de endemicidade da doença em muitos estados brasileiros. O estado do Espírito Santo (ES) apresenta taxas consideráveis de detecção e prevalência da doença, razão pela qual tem direcionado esforços para a eliminação do agravo. O presente estudo objetiva identificar fatores individuais de risco relacionados à transmissão da hanseníase em município endêmico no interior do ES. Desenvolveuse um estudo de caso-controle, sendo o grupo caso representado por casos novos de hanseníase notificados no SINAN entre os anos de 2003 e 2006 e o grupo controle composto por indivíduos sadios moradores vizinhos dos casos, pareados por sexo e faixa etária. As informações do estudo foram obtidas por meio de entrevista oral em resposta a um questionário com perguntas aberta e fechadas, aplicado na própria residência dos participantes. Noventa pacientes e 270 controles foram entrevistados. A idade variou entre 6 e 84 anos, com média de 42,8 anos. O tamanho médio da residência ficou em torno de 52,8 m2. O valor médio para o consumo de bebida alcoólica foi de 48,3 ml/semana e para o tabaco foi de 13,7 cigarros/dia. Na atividade laboral, 93 (25,8%) eram domésticas, 79 (21,9%) lavradores, 51 (14,2%) aposentados e 15 (4,2%) braçais. Houve associação significativa entre a ocorrência da doença e a presença atual de hanseníase entre parentes co-sangüíneos (OR= 2,9), bem como o relato de casos antigos de hanseníase entre parentes co-sangüíneos (OR=5,0). Considerando a complexidade da epidemiologia da hanseníase e o longo período de incubação da doença sugerese a realização de novos estudos com intuito de identificar fatores de risco associados à transmissão da doença. Sabendo-se que o exame único dos contatos no ato do diagnóstico detecta uma parcela mínima dos novos casos, propõe-se, com base nos resultados do presente estudo, a realização de exames periódicos dos indivíduos com parentes hansenianos, para detectar os casos que surgirão nos anos subseqüentes ao contato.
Leprosy in Brazil became a public health problem, taking into consideration the high degree of endemism of the disease in many states of Brazil. The state of Espírito Santo (ES) shows significant rates of detection and prevalence of the disease, reason why it has made efforts in order to eliminate the grievance. The present study aims to identify of the individuals risk factors relation to the transmission of leprosy in the endemic district in the countryside of ES. A study case-controlled was developed, having the group cases represented by the new cases of leprosy sick people pontificated at SINAN during 2003 and 2006 and a group controlled made up of the healthy people living near the cases, pared by sex and age. The study information was taken out of interviews following a questionnaire with open and closed questions, made in the residence of the participants. Ninety patients and 270 controls were interviewed. The age varied between 6 to 84 years old, with average of 42, 8 years old. The residence medium size was around 52, 8 m². The average value for the alcohol drink use was 48, 3 ml/week and for tobacco 13, 7 cigarettes/day. In the labor activity, 93 (25, 8%) were housewives, 79 (21, 9%) rural workers, 51 (14, 2%) retired and 15 (4, 2%) laborers. There was as a relevant association between the occurrence of the disease and the current presence of leprosy among co-sanguine parents (OR= 2, 9) and old cases of leprosy among co-sanguine parents (OR= 5,0). Considering the complexity of the leprosy epidemiology and the long period of the disease incubation it is suggested the accomplishment of new studies aiming at identifying factors of risk associated with the disease transmission. Knowing that the only exam of the contact in the act of the diagnostic detects a minimum part of the new cases, it is proposed, based on the present study results, the accomplishment of periodical examinations in the ones whose parents are contaminated with leprosy, to detect the cases which would appear in the years to come after the contact.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/5378
Aparece nas coleções:PPGASC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_2515_2005_Andreia Soprani dos Santos.pdf653.29 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.