Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9426
Título: Pterygodermatites (Nematoda: Rictulariidae) : revisão de literatura e identificação de espécies em quirópteros da Mata Atlântica, sudeste brasileiro
Autor(es): Simões, Mariana Brandão
Orientador: Leite, Yuri Luiz Reis
Coorientador: Moreira, Narcisa Imaculada Brant
Data do documento: 28-Abr-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Nematóides do gênero Pterygodermatites apresentam 38 espécies descritas e distribuídas por quase toda a extensão do globo, exceto na região australiana. Esses nematóides apresentam estruturas de difícil visualização e identificação, o que dificulta trabalhos taxonômicos a respeito do grupo. O primeiro capítulo deste trabalho baseia-se num referencial teórico acerca do gênero, preconizando pontos como levantamento histórico, a fim de compreender os critérios classificatórios que os levaram a posição taxonômica atual, como também os caracteres utilizados que induziram a separação do grupo em cinco subgêneros. Ainda retrata o ciclo biológico do parasito e a relação parasito-hospedeiro, em se tratando da potencialidade do animal em trocar de albergueiros. O segundo capítulo já traduz uma pesquisa de campo realizada com roedores, marsupiais e morcegos coletados na Mata Atlântica, a fim de encontrar nematóides parasitos do gênero Pterygodermatites, identificando-os e selecionando os melhores caracteres para realizar o trabalho taxonômico. Pterygodermatites foi encontrado apenas em morcegos e foi possível identificar duas espécies já registradas na região Sudeste do Brasil: Pterygodermatites (Paucipectines) elegans e Pterygodermatites (Paucipectines) jagerskioldi, sendo que essa última espécie só fora relatada em roedores. Além disso, é descrita neste trabalho uma espécie potencialmente nova, pertencente ao subgênero Pterygodermatites, o qual era apenas reconhecido na Europa, Ásia e América Central, expandindo a distribuição geográfica conhecida do grupo. Neste segundo capítulo também consta a discussão dos principais caracteres utilizados para a identificação do grupo e a seleção de algumas estruturas até então não padronizadas e abordadas de forma clara para a taxonomia do grupo. São propostas uma chave de identificação do gênero, assim como uma tabela comparativa com estruturas diagnósticas que não estão necessariamente presentes na chave taxonômica, mas que facilitam a identificação dos táxons em questão. Assim, este trabalho traz uma ampliação da caracterização morfológica e taxonômica do gênero, contribuindo, consequentemente, para o aprimoramento do conhecimento em aspectos evolutivos e ecológicos do grupo. Palavras-chave: Chiroptera, distribuição geográfica, Mata Atlântica, parasitologia.
Nematodes of the genus PterygodermatitesWedl, 1861encompass 38 described species distributed throughoutthe globe, except in the Australian region. These nematodes have structures that are hard to visualize and to identify, hamperingtaxonomic works on the group. The first chapter is based on a theoretical reference about the group, emphasizinga historical survey ofthe genusin order to understand the classification criteria that led them to the currenttaxonomic position, as well as the characters used in splitting the genusintofive subgenera. This chapter also depicts the biologicalcycle of the parasite and host-parasite relationships, giventhe potentialfor hostswitching. The second chapter reflects a field research conducted on rodents, marsupials,and bats collected in the Atlantic Forestof eastern Brazil, to find the parasitic nematodes Pterygodermatites,identify them and select the best characters forthe taxonomic work. Pterygodermatites wasfound only in bats and we identifiedtwo species already recorded in southeastern Brazil: Pterygodermatites(Paucipectines) elegans(Travassos, 1928) and Pterygodermatites(Paucipectines) jagerskioldi(Lent & Freitas, 1935), the latterhad only been reported in marsupals. Furthermore, wedescribed a potentially new species belonging to the subgenus Pterygodermatites, which was only known from Europe, Asia and CentralAmerica, expanding the knowngeographical distribution of the group. In this second chapter, we also discussedthe main diagnostic characters and the selection of some structures that have not been used in the taxonomy of the group. Wealso provide anidentification keyfor the genus, as well as a comparative table with diagnosticstructures that are not necessarily present in the taxonomic key,but willfacilitate taxonomic identification. In addition, this paper provides the expansion of the morphological and taxonomic characterization of the genus, contributing for the enhancement about knowledge in evolutionary and ecological aspects of the group.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9426
Aparece nas coleções:PPGBAN - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9794_VERSÃO FINAL_MARIANA_BRANDÃO PDF20160614-85156.pdf2.53 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.